Sertão🌈: Município estava destruído (👁️) até sem dinheiro de Finados; diz gestor !

Atualizado ás 06⏲️30 – deste sab, 6 | agradecemos – ás; 118. 806 visualizações (-) Fonte: Farol de Noticias.

O Ilustre prefeito do município de Santa Cruz da Baixa Verde, Sertão do Pajeú, Irlando Parabólica, foi o entrevistado, nessa sexta-feira (5), do programa Falando Francamente na TV Farol. 

ASSUNTO: BALANÇO ADMINISTRATIVO 👇

Por quase 1 hora o gestor fez um balanço dos dez meses de governo, e admitiu, em tom de desabafo, que pegou a cidade em situação de ‘terra arrasada’.

Assegurando que vem priorizando a transparência na gestão, o prefeito lamentou o fato da gestão passada não ter sequer o cuidado de prestar contas da receita que entrava no Dia de Finados, durante oito anos.

“Ser prefeito é fácil, mas fazer gestão é difícil, principalmente quando se faz gestão com comprometimento e com responsabilidade e com honestidade, para algumas pessoas é muito bom, porque você está mexendo com muito dinheiro, mas o dinheiro não é seu e se o camarada der bobeira ele fica atropelando as leis e o tribunal de contas. Eu venho fazendo as coisas com muita coerência, com muita sabedoria, eu peguei o município “como o trator passa destruindo tudo”, peguei o município com R$ 24 milhões de débitos, reitero, as pessoas que duvidam de mim, vão lá no ministério público e prestem queixa, na delegacia e prestem queixa dizendo que estou mentindo, que lugar de mentiroso é respondendo processo, só na presidência foram mais de R$ 13 milhões líquidos”, disparou.

CADÊ O DINHEIRO DE FINADOS?

Ainda durante a entrevista, Irlando Parabólica citou, como exemplo, a receita que entra todos os anos no Dia de Finados. A gestão anterior, segundo ele, fez disso uma autêntica ‘caixa preta’.

“Todo ano no Dia de Finados o pessoal paga aquela taxa dos túmulos, eu recolhi cerca de quase R$ 30 mil de impostos lá dos túmulos, antes de ontem mandei depositar todo no cofre do município e eu olhando para trás não via isso acontecer. Eu justifiquei ao pessoal que aquele dinheiro que eles pagaram vai servir para a gente colocar mais energia, para colocar água no cemitério, para fazer gaveta, porque o cemitério de Santa Cruz encheu todo e eu prestei conta, acho que todo prefeito devia prestar conta do que faz, eu estou sempre nas redes sociais falando do meu cotidiano porque nesses 10 meses de governo o que eu consegui, acho que juntando todos os prefeitos anteriores não conseguiram. Eu consegui mais de R$ 10 milhões em emendas parlamentares para minha cidade”, pontuou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *