Jovem confundido com filho de traficante deixa prisão após 10 dias

Justiça do Rio expediu alvará de soltura de Vinícius Matheus Teixeira, de 21 anos, nesta quarta-feira (13)

  • Victor Tozo, do R7*, com Renata Loures, da Record TV Rio; para o portal Neto Gaia
  • ás; 20⏲️ 15.

O jovem Vinícius Matheus Teixeira, de 21 anos, preso após ser confundido com o filho de um traficante, deixou na tarde desta quarta-feira (13) o sistema prisional de Benfica, na zona central do Rio de Janeiro.

Vinícius deixou prisão acompanhado dos pais

Vinícius deixou prisão acompanhado dos pais

REPRODUÇÃO/RECORD TV RIO; ACOMPANHE VÍDEO 👇

https://player.r7.com/video/i/616737dbca90844a1a00005d

Vinícius saiu do presídio abraçado pela família e não falou com a imprensa. Ele e os parentes se dirigiram a Macaé, no norte Fluminense, onde moram. O alvará de soltura foi expedido na manhã desta quarta pela juíza Juliana Ferraz Krykthtine, da 4ª Vara Criminal de Niterói.

O músico foi preso no último dia 4 em razão de seu pai, Messias Gomes Teixeira, ter o mesmo nome do chefe do tráfico do morro do Palácio, em Niterói, na região metropolitana, conhecido como Feio.

A magistrada Krykthtine negou responsabilidade da Justiça no reconhecimento indevido do jovem como o filho do criminoso, que foi denunciado pelo Ministério Público do Rio em 2019 por envolvimento com o tráfico, após a prisão do pai.

Segundo a defesa de Vinícius, o erro poderia ter sido evitado se tivesse sido checada a filiação ou a data de nascimento do pai do jovem. Uma certidão que comprovava a inexistência de vínculo entre o músico e o traficante constava nos autos do processo, de acordo com o advogado Daniel Carvalho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *