INSS: entenda o que mudou no novo cálculo da pensão por morte

Fonte: jornalismo Petrópoles | ao portal Neto Gaia thayna.schuquel@metropoles.com

As novas regras passaram a valer após a implementação da reforma da Previdência. Benefício é para dependentes de falecidos

Com a reforma da Previdência em vigor, as regras para o recebimento da pensão por morte, paga pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), foram alteradas. Isso gerou muitas dúvidas sobre o benefício, que serve como auxílio aos dependentes de falecidos. Para entender como funciona o cálculo atual, é necessário saber primeiro como funcionava o dispositivo antes da implementação do novo regime previdenciário.

Anteriormente, o valor da pensão por morte era calculado de modo que, se o segurado falecido fosse aposentado, o benefício correspondesse a 100% da aposentadoria, a chamada Renda Mensal Inicial (RMI), que seria recebida após o óbito.

Publicidade:

Dr. Rafael |trabalhando na cidade de Petrolina (Rua: Santa Luzia n°73 Centro.
Contatos:
(87) 3862-1211
(87) 98111-1922

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *