Duque: Faço uso das palavras do Vereador; Ronaldo de Dja, Deixa o homem Trabalhar > Venha; Tô Anunciando programa de 17 Milhões

O prefeito Luciano Duque voltou a alfinetar os três vereadores da oposição, Antônio de Antenor, Pinheiro de São Miguel e Jaime Inácio, dessa vez, durante evento ocorrido nesta terça-feira (23), no Centro Administrativo Municipal. Sem citar nominalmente os parlamentares, Duque disse que os “vereadores da oposição” foram os únicos que “não queriam” que diversas ruas de Serra Talhada fossem calçadas no programa Mais Pavimentação, anunciado hoje.

O projeto é ambicioso e pretende implementar o mais breve possível o início de 150 mil metros quadrados de pavimentação em todos os bairros da cidade, num custo avaliado em R$ 17 milhões. Os recursos fazem parte de um empréstimo adquirido pelo governo junto ao Banco do Brasil somado à emendas parlamentares de deputados aliados do governo, dentre eles, Marília Arraes e Pastor Eurico. Ao agradecer aos vereadores da situação pelo apoio ao projeto, Duque sapecou:

“Diferente dos vereadores da oposição, que não queriam que esses calçamentos acontecessem nas ruas de Serra Talhada. Eu costumo dizer o seguinte: quando a verdade chega a mentira desaparece. Aqueles que atiram pedras e nos criticam não enxergam o valor que tem para uma família uma pedra calçada na frente de sua casa, é valorização do seu imóvel, é não convivência mais com a poeira e a lama no período de chuvas e fundamentalmente é a melhoria da mobilidade urbana. Asseguro que os recursos já estão empenhados”.

“Estamos falando aqui de 150 mil metros de calçamento, de 150 ruas que serão calçadas”, continuou Luciano, “e parabenizo a equipe de obras aqui em nome do secretário Cristiano [Menezes] que conseguiu tirar do papel em tempo recorde essa emenda da deputada Marília [Arraes] e do deputado Eurico.”

“EM TODOS OS BAIRROS”

Durante o anúncio do programa, o secretário de Obras Cristiano Menezes disse que pretende iniciar os trabalhos “atacando” logos ruas em todos os bairros. E uma das primeiras a serem contempladas será a José Dantas do Nascimento, no trecho de terra que liga os bairros Ipsep e AABB.

“Vamos começar por todos os bairros, atacando logo uma ou duas ruas, com prioridade sobre a José Dantas do Nascimento”. Dentre as ruas anunciadas, o governo garantiu a pavimentação da via que interliga os bairros Bom Jesus e Vila Bela, onde lá será construída uma passagem molhada unindo as duas localidades.

FIQUE POR DENTRO DA POLÊMICA 

Na verdade, o que Luciano Duque fez hoje direcionado aos vereadores da oposição foi o cumprimento de uma promessa feita em novembro de 2019 [veja aqui]. Na ocasião, em entrevista de rádio, o prefeito criticou a postura de Jaime, Antônio e Pinheiro dizendo que a partir de 2020 iria “sair pelas ruas” falando os nomes do vereadores que foram contra a iniciativa.

Os parlamentares se posicionaram contrários a um empréstimo de R$ 4 milhões solicitado pela prefeitura para realizar estes calçamentos. A crítica, no entanto, era de que o projeto enviado por Luciano Duque à Câmara Municipal parecia um “cheque em branco”. O prefeito não engoliu.

Segundo os vereadores da oposição, a solicitação do empréstimo veio com a clara intenção de deixar débitos para o próximo prefeito que irá assumir em 2021, posto que o projeto pedindo o dinheiro ao Banco do Brasil não detalhava quantas e quais a ruas seriam calçadas, nem os bairros beneficiados. Deu no que deu.

Cristiano Menezes: “Vamos começar logo por todos os bairros”

Farol de Noticias/Max Rodrigues

Fonte: Fonte: Giovanni Sá Filho ‘Farol de Notícias’ Ao Portal Neto Gaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *