Auxílio doença, BPC e outros benefícios do INSS que estão na mira do pente fino

Atualizado ás 17⏲️ 30 – desta sex. 12 | Agradecemos – ás; 119. 236 👁️ Visualizações (-) Conteúdo: fdr noticias.

SEGUI APÓS PUBLICIDADE 👇

PONTOS-CHAVE

  • SEGUI > Desde agosto deste ano, o INSS está convocando beneficiários para o pente fino;
  • A inciativa visa verificar o pagamento de benefícios que estão com a pericia médica e a documentação desatualizada há mais de seis meses;
  • Diante disso, estão na mira o Auxílio doença, o BPC e a aposentadoria por invalidez;

Desde agosto deste ano, o INSS está convocando beneficiários para o pente fino. A inciativa visa verificar o pagamento de benefícios que estão com a perícia médica e a documentação desatualizada há mais de seis meses. Diante disso, estão na mira o Auxílio doença, o BPC e a aposentadoria por invalidez.

Auxílio doença, BPC e outros benefícios do INSS que estão na mira do pente fino
Auxílio doença, BPC e outros benefícios do INSS que estão na mira do pente fino (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

De acordo com o INSS, o pente fino irá convocar até o fim deste ano mais de 170 mil beneficiários, com suspeitas de irregularidades. Mesmo se tratando de uma verificação de dados, o foco são os benefícios por incapacidade temporária, conhecido como Auxílio doença, o BPC e a aposentadoria por invalidez.

De acordo com o instituto, as convocações são para benefícios pagos em que a pericia médica e/ou a documentação está desatualizada há mais de seis meses. É importante lembrar que, devido a pandemia, o pente fino ficou suspenso por diversos meses.

As convocações iniciaram no mês de agosto, sendo que até o momento, mais de 95 mil segurados foram notificados. Com isso, esses precisam agendar a perícia médica do INSS ou enviar as documentações solicitadas para não terem o pagamento suspenso.PUBLICIDADE

Após o recebimento da convocação do pente fino do INSS, o segurado tem até 60 dias para fazer o que foi solicitado. No caso de perícia médica, basta fazer o agendamento para o atendimento, já que a espera é de mais de um mês.

A partir da próxima sexta-feira (19), o INSS começará a realizar cortes dos benefícios que não atenderam ao pente fino. De acordo com o órgão, cerca de 85 mil segurados devem regularizar os cadastros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.