50 mulheres são espancadas por mês em Serra Talhada, alerta CEAM

Atualizado às 11⏲️ 30 – Desta sex, 3 | Conteúdo: Farol de Noticias🎧

SEGUI APÓS PUBLICIDADE 👇

Durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Serra Talhada, nessa terça-feira (30), a coordenadora do Centro Especializado de Atendimento a Mulher (CEAM), Rose Silva, utilizou a tribuna popular para chamar a atenção com relação ao aumento da violência contra a mulher na capital do xaxado.

“É vergonhoso uma cidade como Serra Talhada, que vem crescendo tanto, ainda ter um saldo de 50 casos de violência contra a mulher por mês. Pedimos mais uma vez que a política da mulher seja levada a sério e que as mulheres possam ter direito de sair de um relacionamento, que já não lhe faz bem, com vida”, disse a coordenadora.

Na oportunidade, a ex-vereadora e atual secretária Executiva da Mulher, Vera Gama, convidou a população para a caminhada, que vai acontecer no próximo domingo (5), contra a violência doméstica. “Convidamos toda população para estarmos nas ruas dizendo NÃO à violência contra a mulher”.

O presidente da Câmara, Ronaldo de Dja, parabenizou a ação e fez um apelo aos Poderes para que repense a segurança. “Nós temos Leis, que infelizmente não são cumpridas. A Lei Maria da Penha está aí, mas funciona para poucos. Sem falar nas Audiências de Custódia que soltam os agressores e eles voltam para terminar o que começaram. Os Poderes precisam mudar nesse sentido”, reforçou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *